Proposta de criação de unidade de conservação no município de Uberaba (MG)

 

Direção estratégica 2: Apoiar a criação e/ou expansão e a gestão eficaz das áreas protegidas

Instituição: Associação para a Gestão Socioambiental do Triângulo Mineiro – ANGÁ

Responsável: Gustavo Bernardino Malacco da Silva
E-mail(s): malacco@gmail.com; anga@anga.org.br
Telefone(s): +55 (34) 9 9121-9737

Corredor prioritário: Outros corredores (Serra da Canastra)
Município(s): (MG) Uberaba

Objetivo geral: Realizar diagnóstico socioambiental na região do Alto Curso das Bacias Hidrográficas dos rios Claro e Uberabinha (Uberaba, MG) que subsidiará, por meio de proposta a ser enviada aos órgãos públicos ambientais competentes, a criação de Unidade de Conservação.

Objetivos específicos:

  • Caracterizar o uso do solo dentro dos limites propostos para a Unidade de Conservação.
  • Caracterizar as principais variáveis abióticas.
  • Caracterizar as diferentes formas vegetacionais.
  • Caracterizar a flora, a fauna terrestre (herpetofauna, avifauna, mastofauna) e aquática (ictiofauna).
  • Caracterizar a população residente, contendo o número e tamanho médio das propriedades e o padrão de ocupação da área.
  • Avaliar os principais indicadores socioeconômicos do município abrangido pela proposta de criação de Unidade de Conservação.
  • Avaliar os benefícios e impactos socioambientais da implantação da Unidade de Conservação.

Valor do apoio: U$ 37.510,55

Duração: 13 meses (Maio 2019 a Junho 2020)

 

Imagens cedidas por ANGÁ

Alectrurus tricolor. Foto: ©Acervo ANGÁ
Campos de murundu. Foto: ©Acervo ANGÁ
pt_BR
en_US pt_BR