Pesquisa e desenvolvimento para geração de sistema de alerta diário de áreas queimadas para o Cerrado

 

Direção estratégica 5: Apoiar a implementação de ferramentas para integrar e compartilhar dados de monitoramento

Instituição: Fundação COPPETEC & Laboratório de Aplicações de Satélites Ambientais da Universidade Federal do Rio de Janeiro (LASA-UFRJ)

Instituições parceiras: Instituto Dom Luiz, Universidade de Lisboa e Instituto Federal Sul de Minas

Responsável: Renata Libonati
E-mail:  renata.libonati@gmail.com
Telefones: +55 (21) 3938-9405

Corredor: Todos os 13 corredores (excluindo os lençóis Maranhenses)

Objetivo geral: Utilizar dados de satélites para analisar e quantificar a evolução da área afetada pelo fogo no Cerrado em tempo quase-real.

Objetivos específicos:

  •  Adaptação e aprimoramento de tecnologia para identificação e quantificação detalhada da dinâmica das áreas queimadas em tempo quase-real, dando ênfase em Unidades de Conservação, Área de Proteção e Terras Indígenas no Cerrado.

  • Geração de mapas da evolução diária das áreas afetadas pelo fogo, gráficos de evolução e contagem de informações ao nível das áreas prioritárias.
  • Geração de protocolo para trabalhos de campo com objetivo de coletar informações para validação.
  • Validação das metodologias anteriores: comparação com imagens de alta resolução; comparação com focos de calor; e comparação com informações de campo das brigadas de incêndio das áreas prioritárias.
  • Desenvolvimento e implementação de Interface web com mapas e informação de valores dos dados de área queimada.
  • Treinamento para usuários acerca do sistema.
  • Alertas enviados diariamente por e-mail para os responsáveis (a definir) com informação detalhada ao nível das das áreas prioritárias.

Valor do apoio: US$ 39.059,67

Duração: 5 meses (Abril 2021 a Setembro 2021)

 

Imagens cedidas por Laboratório de Aplicações de Satélites Ambientais

pt_BR