Quintais produtivos, agroecologia e segurança alimentar no Vale do rio Guará, São Desidério, Bahia

 

Direção estratégica 1: Promover a adoção das melhores práticas em agricultura

Instituição: Universidade Federal do Oeste da Bahia – UFOBFundação Escola Politécnica da Bahia – FEP

Responsáveis: Mario Alberto dos Santos e Judith Zaiden
E-mail: mario.alberto@ufob.edu.br, reitoria@ufob.edu.br,  judithzaiden@fepba.org.br
Telefone: +55 (77) 3614-3105 (UFOB) / (71) 3617-8053 (FEP)

Corredor prioritário: Sertão Veredas-Peruaçu
Municípios: (BA) São Desidério
Áreas protegidas:  A área contempla 8 comunidades agroextrativistas Geraizeiras: Ponte de Mateus, Larga, Pedras, Currais, Lagoa dos Buritis, Contagem, Vereda Grande e Cera, e o Refúgio da Vida Silvestre das Veredas do Oeste Baiano.

Objetivo geral: Apresentar e divulgar tecnologias sociais e práticas sustentáveis para a produção agroecológica de alimentos, para a recuperação, conservação do solo e para o tratamento de resíduos sólidos orgânicos em comunidades tradicionais Geraizeiras no município de São Desidério, região do vale do rio Guará, oeste da Bahia.

Objetivos específicos:

  • Melhorar as condições de conhecimento e acesso a políticas públicas direcionadas para comunidades tradicionais e para agricultura sustentável.
  • Melhorar as práticas de gestão dos resíduos sólidos orgânicos e do uso e conservação do solo nas comunidades Geraizeiras envolvidas.
  • Ampliar os conhecimentos sobre práticas agrícolas sustentáveis e melhorar os níveis de segurança alimentar nas comunidades envolvidas.
  • Finalizar a elaboração de um manual técnico para a transição agroecológica em área de Cerrado com a instalação de Quintais Produtivos Agroecológicos e Comunitários – QPAC.
  • Finalizar um diagnóstico socioambiental sobre as comunidades Geraizeiras do vale do rio Guará, no intuito de subsidiar a proposta de criação de uma área protegida e ampliar os conhecimentos sobre plano de negócios e gestão territorial entre os moradores.

Valor do apoio: R$ 89.205,00

Duração: 10 meses

 

Imagens cedidas pela Universidade Federal do Oeste da Bahia – UFOB

 

Mãos que trabalham                                                                        Buriti (Mauritia flexuosa)

 

Área de atuação do projeto.